Biogás

A matéria orgânica presente nos resíduos existentes no aterro, vai-se degradando ao longo do tempo, dando origem a um gás, designado por BIOGÁS, o qual é constituído, principalmente, por metano (CH4 ) e dióxido de carbono (CO2 ).

O gás metano é o principal constituinte do Biogás, que possui as seguintes propriedades:

  • É um gás com elevado valor energético que pode ser utilizado como combustível;
  • É um gás cujo efeito de estufa é 20 vezes maior que o do CO2.

O Biogás que é produzido no Aterro Sanitário da Resiestrela, é captado através de uma rede de drenos verticais e conduzido através de condutas até uma Unidade de Valorização Energética (UVE), onde se transforma em energia eléctrica.

Este processo faz com que o Metano presente no Biogás seja transformado em CO2 e vapor de água minimizando, assim, os seus efeitos nocivos no meio ambiente e, por outro lado, produzir electricidade a partir de uma fonte renovável.

A energia produzida é injectada na Rede Eléctrica Nacional.



Imagens